Contato: (61) 3612-4622 / 9 8529-6967 

Cristalina

PORTAL CORREIO  

Assaltantes explodem carro-forte na BR-040, em Cristalina

27/06/2018

Segundo Polícia Civil, ninguém ficou ferido. Corporação informou ainda que os ladrões roubaram carro de uma família momentos depois para fugir.

 Um grupo de assaltantes explodiu um carro-forte no km 150 da BR-040, em Cristalina, no Entorno do Distrito Federal, nesta quarta-feira (27). A Polícia Civil da cidade informou que ninguém se feriu, mas que uma família que passava pela rodovia teve o carro roubado pelos mesmos bandidos, que usaram o veículo para fazer o assalto, fugir e o abandonaram incendiado. Ninguém se feriu. O valor levado ainda não foi contabilizado.

 

Segundo a Polícia Civil, o carro-forte vinha da cidade de Paracatu (MG), já com dinheiro de um comércio, pegou um valor no pedágio próximo à cidade e iria pegar mais uma quantia em outro pedágio, em Cristalina. No caminho para a Brasília, o veículo foi atingido por vários disparos vindos de um Fiat Fiorino, mas o motorista do carro-forte conseguiu desviar e fugir.

 

 A corporação contou que os bandidos, mais a frente, assaltaram uma família e roubaram deles um Fiat Idea, malas e pertentes pessoais. O veículo foi usado pelos assaltantes para voltar a perseguir o carro-forte. Os bandidos explodiram o alvo depois que este parou de funcionar por causa dos tiros que atingiram o motor, e os vigilantes – um motorista e três seguranças – se protegeram no mato.

 

Conforme a empresa responsável explicou à corporação, uma espuma expansiva foi ativada no momento da explosão e inutilizou o dinheiro que era levado.

A Prosgur, empresa responsável pelo carro-forte, informou ao G1, por meio de nota enviada nesta quinta-feira (28) às 17h58 que "nenhum de seus funcionários foi ferido e que está à disposição das autoridades, colaborando para o andamento das investigações".

 

A Polícia Civil encontrou o carro da família, que havia sido roubado pouco antes da explosão, abandonado e incendiado em uma estrada de terra da região.

 

Fonte: G1

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload