Cristalina

Contato: (61) 3612-4622 / 9 8529-6967 

  • Facebook ícone social
  • YouTube
  • Twitter
  • Instagram

DP de Cristalina autua receptadores e roubador de celular, recupera aparelho e o devolve à vítima

11/09/2018

A Delegacia de Polícia (DP) de Cristalina prendeu em flagrante de Jhnne Alves dos Reis e Fancisco Osmundo da Silva e apreendeu o menor JOA durante diligências investigativas para apurar um roubo de celular em Cristalina na sexta-feira (07).

 

Na manhã do dia anterior, compareceu à delegacia uma mulher, que relatou ter sido vítima de roubo de seu telefone celular. Ela informou ainda que, por meio de consultas na internet, notou que seu aparelho era oferecido para venda em grupos de whatsapp. Diante da situação, a vítima anotou o número de telefone do anunciante e dirigiu-se ao distrito policial.

 

Na delegacia, a equipe de investigadores entrou em contato com a pessoa responsável pelo anúncio no intuito de recuperar o bem e, possivelmente, flagrar o anunciante. Em conversa com o suspeito, os policiais civis descobriram o endereço onde o celular estaria guardado.

 

Os agentes se deslocaram até o local e por lá encontraram Johnne Alves dos Reis e JOA. Este tinha em mãos o objeto do crime, um celular Samsung Galaxy J5 prime na cor rosa. Sem desconfiar que era investigado, JOA chegou a mostrar o celular para os investigadores na tentativa de efetuar a venda.

 

Ao serem indagados sobre o produto do crime, o maior assumiu a propriedade do objeto. O menor confessou oferecê-lo para venda pelo fato de existir uma combinação com seu comparsa, que lhe garantiria uma comissão caso a transação fosse efetuada.

Desvendada a parceira criminosa, Johnne informou à equipe policial quem seria a pessoa que lhe vendeu o objeto e indicou o local onde os agentes poderiam encontrá-lo. Os investigadores se deslocaram rumo ao endereço citado e lá detiveram Francisco Osmundo por roubo.

 

Na residência de Johnne, foram encontrados aproximadamente 30 celulares, além de alguns tablets, todos provenientes de negociações com usuários de drogas e criminosos responsáveis por crimes de furto e roubo.

Posteriormente, com informação fornecida pelo próprio Johnne,os agentes se dirigiram à casa de Flaviana Pereira da Silva, onde, após autorização de entrada, foi localizado um celular com restrição de roubo em posse de seu filho, de sete anos. Indagada, Flaviana afirmou ter comprado o aparelho de Francisco.

 

Johnne, JOA, Francisco e Flaviana foram conduzidos à delegacia. Em tentativa de reconhecimento, a vítima de roubo afirmou nunca ter visto Johnne e JOA, mas, sem titubear, apontou Francisco como o assaltante que contra ela havia praticado o roubo.

Diante das provas, a autoridade policial deliberou pela lavratura de Auto de Prisão em Flagrante (APF) em desfavor de Francisco e Johnne. Contra Flaviana foi lavrado um Termo Circunstanciado de Ocorrência (TCO). Contra JOA foi lavrado um Boletim Circunstanciado de Ocorrência (BOC) procedimento destinado ao registro da prática de atos infracionais análogos a crimes, praticados por menores infratores.

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Leia a Edição do mês - Outubro 2019