Cristalina

Contato: (61) 3612-4622 / 9 8529-6967 

  • Facebook ícone social
  • YouTube
  • Twitter
  • Instagram

Juíza enquadra Marconi e diz que vai julgar sim a mamata das auto-escolas

Benesse concedida a poucas empresas retirou dos cofres públicos R$ 4,9 milhões, dinheiro que hoje falta na educação, na saúde e na segurança

 

 Foto de Reprodução

 

Fracassou a tentativa de Marconi Perillo de atrasar o julgamento de ação movida pelo Ministério Público que o acusa de beneficiar ilegalmente auto-escolas de Goiás com isenção de IPVA, caso que ficou conhecido como a mamata das auto-escolas.

A benesse do tucano acabou por retirar dos cofres públicos R$ 4,9 milhões, dinheir0 que hoje falta na educação, na saúde e na segurança pública.

Marconi arguiu a suspeição da juíza Zilmene Gomide da Silva Manzolli, da 4ª Vara da Fazenda Pública Estadual, alegando que a magistrada é esposa de Pedro Manzoli, assessor especial da Secretaria de Administração.

A juíza refutou as insinuação porque pedro também foi assessor durante os governos do próprio Marconi Perillo e de seu sucessor, José Eliton.

Dessa vez a manobra judicial do tucano não deu certo.

 

Share on Facebook
Share on Twitter
Please reload

Leia a Edição do mês - Outubro 2019